O nosso amor por esta Pátria…

Quem anda nestas andanças do vinho sabe perfeitamente que há determinados vinhos provados no seu habitat natural, se tornam de alguma forma especiais. Seja na região que os viu nascer ou na adega que os viu crescer, há vinhos que nos caem mesmo bem quando tudo se conjuga. Recentemente troquei umas palavras sobre este tema com o nosso amigo Pingas no Copo a respeito do seu artigoTrivialidades”, e concordámos que são muitas vezes os momentos a decidir se este ou aquele vinho nos ficam na memória. O Pátria Selection 2013 da Carmim foi um destes vinhos que acertou na muche.

Imaginem-se num monte alentejano, longe de tudo e todos, sentados à mesa e rodeados de amigos. Os astros nem precisavam de estar alinhados para prever que a noite ia ser longa ao sabor deste Pátria Selection 2013. Conversa puxa conversa e rapidamente o amor pela nossa pátria se tornou três vezes maior.

Desconhecia-o por completo e após uma pequena pesquisa fiquei a saber que foi desenhado por Rui Veladas, enólogo que conseguiu criar um blend bastante equilibrado entre as castas Alicante Bouschet, Syrah e Touriga Nacional. O que posso dizer é que mostrou ser um vinho com uma identidade e presença bem vincadas do início ao fim, quase como se tratasse de um jogo entre estrutura e a pujança típica dos vinhos alentejanos. O resultado foi que nos soube realmente bem, tal foi o despacho que demos aquelas três Pátria Selection.

Talvez embebido por todo o momento, o que realmente me ficou na memória foi estar perante um vinho com uma densidade acima da média e um palato extremamente macio que culmina de forma persistente. Para tirar a prova dos nove só voltando ao local onde já fomos felizes, mas como sabem, nem sempre isso resulta da forma que desejamos. O melhor mesmo é provarmos ou bebermos aquilo que nos faz felizes, quando e onde quisermos. No final vai saber sempre diferente acreditem!

Obrigado ao senhor Virgílio que gentilmente nos deixou “assaltar” a sua garrafeira! Ficaram lá outras três das boas vai ver…

 

rolhas

 

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *